Equilibrium
FAQ - Perguntas Frequentes
1- Quais os cuidados necessários na hora de escolher onde praticar as aulas de Pilates?


     Em função de propiciar inúmeros benefícios, o Método Pilates é atualmente uma das atividades físicas mais procuradas, ocasionando o aumento de locais que oferecem a modalidade.
     É fundamental eleger um local adequado para a prática. Primeiramente, certifique-se de que os instrutores são graduados em fisioterapia, educação física ou dança. Solicite informações sobre o curso de Pilates e a escola na qual os instrutores obtiveram a sua certificação.
     As turmas devem ser pequenas para manter a qualidade do Método Pilates. É iprescindível a realização de uma avaliação de saúde do iniciante e em casos de patologias deve-se requerer autorização médica.

2 - Quantas vezes por semana devo fazer?

     Isto vai depender da avaliação inicial e dos objetivos traçados, e ainda, se o aluno realiza outra atividade física ou não. O principal é manter a continuidade das aulas e a assiduidade.
     Acredita-se que de duas a três vezes por semana, o corpo é capaz de obter bons resultados e ainda, levar os aprendizados das aulas para as suas atividades de vida diárias. O aluno tem que encontrar o equilíbrio entre o prazer de realizar a atividade e sua rotina.

3 - Qual a diferença entre Pilates e musculação?

     A maior diferença é que o Pilates trabalha a partir de um sistema de molas que gera resistência adequada para o corpo, preservando as articulações durante os movimentos. O Método utiliza poucas repetições, controle e precisão dos movimentos. O Pilates proporciona um visual tonificado (músculos definidos), porém sem exageros. Princípios como respiração e controle postural, entre outros, evidenciam mais um diferencial do Pilates com relação a outras atividades físicas, buscando resultados tanto estéticos quanto reabilitativos e preventivos.

4 - O pilates é parecido com a yoga?
    
     A semelhança do Pilates com a Yoga é devido à conexão corpo-mente e uso da respiração, exigindo concentração para a prática das aulas. As aulas de Pilates são mais dinâmicas e são executados movimentos e posturas utilizadas no dia-a-dia. Além disso, o Pilates utiliza equipamentos específicos do Método e as aulas são específicas às necessidades de cada indivíduo.

5- O Pilates emagrece?

     O Pilates sendo uma atividade física proporciona a queima calórica, porém este não é o seu objetivo principal. O Método é considerado um exercício anaeróbico de baixo gasto calórico. Para as pessoas que buscam emagrecimento é indicado associar o Pilates com exercícios aeróbicos e realizar acompanhamento nutricional.

6 - O pilates reduz medidas?

     O mais adequado dizer é que o Pilates tonifica a musculatura, modificando a aparência e as medidas corporais. Ou seja, uma musculatura flácida passa a ser mais firme e delineada, esteticamente mais bonita.


7 - Como o Pilates pode atuar no Sistema Linfático?

     O sistema linfático não tem bombeamento central. Ele é estimulado por mudanças de pressão das contrações musculares ou respiração profunda. A respiração utilizada no Pilates enriquece o bombeamento no ducto torácico e as contrações musculares realizadas durante os exercícios, numa seqüência específica, podem aumentar o retorno linfático.

8 – O Pilates pode atuar no câncer de mama? Como?

     Com toda a certeza, pois o Pilates trabalha respeitando as limitações do aluno e proporcionará um treino progressivo, suave e seguro. A prática do Pilates só deve ser iniciada a partir da liberação do médico responsável e após uma avaliação inicial do futuro aluno.
     A amplitude de movimento dos ombros e dos braços pode estar diminuída devido à cirurgia da mama. Respeitando as limitações do aluno, o Pilates vai aumentar gradativamente os graus de movimentos. O foco está sempre no controle e na qualidade do movimento e não na rapidez de execução e número de repetições.
Devido aos efeitos cirúrgicos e à redução das atividades (físicas e de vida diária), podem ocorrer alterações posturais. Centrando-se na postura e alinhamento, o Pilates inicialmente ensina o corpo a retomar a postura e logo, através do reforço muscular fornece a força necessária para que o indivíduo seja capaz de manter o alinhamento postural adequado. 
     Estes alunos podem apresentar uma diminuição da consciência corporal devido aos tratamentos realizados. O Pilates irá trabalhar a sintonia corpo-mente, a readaptação corporal, concentrando-se na respiração, na precisão de cada movimento, e consequentemente, o paciente irá aos poucos restaurando a confiança em si mesmo. 
     Salienta-se que antes de iniciar qualquer modalidade física, o paciente deve consultar seu médico. E no caso do Pilates deve assegurar-se de que o instrutor é capacitado profissionalmente e tem conhecimento sobre recuperação cirúrgica. Para casos de reabilitação, é melhor começar com aulas individuais.
Equilibrium Pilates e Fisioterapia

Matriz - São Pelegrino: (54) 3537.7174
Filial - Desvio Rizzo: (54) 3537.7174
WhatsApp: (54) 9682.3579

equilibrium@studioequilibrium.com.br

Nos acompanhe nas redes sociais:

Facebook: facebook.com/EquilibriumCaxias
Instagram: @equilibriumcaxias

Caxias do Sul - RS
© Copyright 2009 Studio Equilibrium Ltda.
Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Gabriel Isoton